FacebookTwitteryoutubeSlideshareAPP
Get flash player to play to this file
FACEBOOK
NEWSLETTER

Remover e-mail da newsleter:

DESTAQUES

Sede da APFF - Porto da Figueira da Foz

Sobrevoando o Porto da Figueira da Foz #3

Sobrevoando o Porto da Figueira da Foz #2

Porto da Figueira da Foz em movimento #1

Porto da Figueira da Foz em movimento #2

Porto da Figueira da Foz #Crepúsculo [VÍDEO-FOTO]

Inauguração do Prolongamento do Molhe Norte do Porto da Figueira da Foz (5)

Regata dos Portos do Centro 2011 - Figueira da Foz (2)

Assinatura do contrato de concessão dos Estaleiros Navais do Mondego - José Luís Cacho

Dia Mundial do Mar na Figueira da Foz - 2010 (6)


METEO
Tempo Figueira da Foz
TWITTER
LINKS




FOTOS

 Estação de Caminhos de Ferro - Vista aérea

Estação de Caminhos de Ferro - Vista aérea
SLIDESHOW



Câmara da Figueira da Foz quer reabrir Piscina de Mar em Junho

A Câmara Municipal da Figueira da Foz pretende reabrir a Piscina de Mar, fronteira à praia, em Junho, no início da época balnear, depois da anterior concessão ter sido rescindida por falta de pagamento.

Em reunião da autarquia, o vereador da oposição Miguel Almeida, do PSD, questionou o executivo líderado pelo socialista João Ataíde sobre o processo da piscina. O presidente da autarquia respondeu que há “meia dúzia de interessados” na concessão do espaço.

“Este é um assunto que nos preocupa, temos vários concorrentes, meia dúzia de interessados. As condições serão apresentadas na próxima reunião”, disse João Ataíde.

Miguel Almeida argumentou ter pedido “há dois meses” a divulgação pública de que o espaço da piscina, que inclui um restaurante, está fechado “e nada aconteceu”, questionando se a concessão vai ficar circunscrita aos seis interessados.

A resposta foi dada, na reunião, pelo chefe de gabinete de João Ataíde, Tiago Castelo Branco: “A Câmara vai fazer convites aos seis que já mostraram vontade em concorrer e anunciar publicamente a outros interessados. Não é só circunscrito aos seis."

O contrato de concessão da Piscina de Mar foi alvo de uma rescisão unilateral por parte da empresa municipal Figueira Grande Turismo (FGT), entretanto extinta, por dívidas de cerca de 70 mil euros em rendas, água e luz por parte da empresa propriedade de Aprígio Santos, que detinha o espaço.

De acordo com a vereadora Isabel Cardoso, que tutelava a FGT, o espaço foi recentemente entregue à autarquia “no prazo limite” pelo anterior concessionário.

fonte




Data: 2013-04-27

feed
mapa