FacebookTwitteryoutubeSlideshareAPP
Get flash player to play to this file
FACEBOOK
NEWSLETTER

Remover e-mail da newsleter:

DESTAQUES

Sede da APFF - Porto da Figueira da Foz

Sobrevoando o Porto da Figueira da Foz #3

Sobrevoando o Porto da Figueira da Foz #2

Porto da Figueira da Foz em movimento #1

Porto da Figueira da Foz em movimento #2

Porto da Figueira da Foz #Crepúsculo [VÍDEO-FOTO]

Inauguração do Prolongamento do Molhe Norte do Porto da Figueira da Foz (5)

Regata dos Portos do Centro 2011 - Figueira da Foz (2)

Assinatura do contrato de concessão dos Estaleiros Navais do Mondego - José Luís Cacho

Dia Mundial do Mar na Figueira da Foz - 2010 (6)


METEO
Tempo Figueira da Foz
TWITTER
LINKS




FOTOS

 Vista aérea da Marina

Vista aérea da Marina
SLIDESHOW


O PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ | NOTAS HISTÓRICAS

Viagem pela história do Porto da Figueira da Foz, publicada em opúsculo editado e distribuído por ocasião das comemorações dos dos 50 anos da inauguração dos molhes.
Nesta quinta e última parte detalhe para as consequências resultantes da construção dos molhes.



O PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ | NOTAS HISTÓRICAS

Viagem pela história do Porto da Figueira da Foz, publicada em opúsculo editado e distribuído por ocasião das comemorações dos dos 50 anos da inauguração dos molhes.
Nesta quarta parte destaque para a Junta Autónoma do Porto da Figueira da Foz.



O PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ | NOTAS HISTÓRICAS

Viagem pela história do Porto da Figueira da Foz, publicada em opúsculo editado e distribuído por ocasião das comemorações dos dos 50 anos da inauguração dos molhes.
Nesta terceira parte abordamos a construção dos molhes.



O PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ | NOTAS HISTÓRICAS

Viagem pela história do Porto da Figueira da Foz, publicada em opúsculo editado e distribuído por ocasião das comemorações dos dos 50 anos da inauguração dos molhes.
Nesta segunda parte abordamos as obras portuárias antes da construção dos molhes actuais.



O PORTO DA FIGUEIRA DA FOZ | NOTAS HISTÓRICAS

Viagem pela história do Porto da Figueira da Foz, publicada em opúsculo editado e distribuído por ocasião das comemorações dos dos 50 anos da inauguração dos molhes.
Nesta primeira parte abordamos as condições de acesso ao porto.



Os Armazéns de Lavos regressaram ao passado, numa viagem que levou 70 visitantes a conhecer de perto como era a safra à moda antiga, no âmbito das comemorações do nono aniversário do Núcleo Museológico do Sal, que se prolonga pelo mês de Agosto.



30 DE OUTUBRO

Assinala-se esta sexta-feira o Dia do Porto da Figueira da Foz, relembrando a histórica data de 30 de Outubro de 1966, na qual se inaugurou a obra emblemática da construção dos primeiros molhes exteriores e consequente fixação da barra do porto.
O Dia do Porto da Figueira da Foz envolve toda a Comunidade Portuária, isto é, aqueles que no dia-a-dia dão vida a uma infra-estrutura que serve a economia regional e constitui uma peça chave para a pesca e a indústria.



CONSTRUÍDO PELOS ESTALEIROS NAVAIS DO MONDEGO

Notícia na primeira página do bi-semanário “O Figueirense”, reportando a cerimónia de entrega, em Lisboa, do arrastão “Almourol”, construído pelos Estaleiros Navais do Mondego, na Figueira da Foz.



10 DE OUTUBRO DE 1861

Fridtjof Wedel-Jarlsberg Nansen (Oslo, 10 de outubro de 1861 — Lysaker, 13 de maio de 1930) foi um cientista, explorador polar, aventureiro e político norueguês. Enquanto delegado norueguês na Liga das Nações criou o passaporte Nansen para os refugiados, tendo sido galardoado com o Nobel da Paz em 1922. A sua expedição, composta por seis homens, partiu em 1888. Enfrentou um ambiente totalmente hostil. Doze dias passaram antes da equipa ser sequer capaz de pisar o continente, depois de abandonar a segurança do principal navio da expedição.



Por vezes, são os momentos menos espectaculares ou até quase esquecidos, que se revelam decisivos numa guerra prolongada. Foi o caso da chamada “Batalha de Dois Portos”, episódio pouco conhecido da terceira invasão francesa.
No dia 9 de Outubro de 1810, o exército aliado chegava às Linhas de Torres, sempre seguido de perto pela cavalaria francesa, em distância à vista.



FIGUEIRA DA FOZ

A ORIGEM DO NOME da cidade de Figueira da Foz pode procurar-se na lenda que afirma provir de uma figueira que existia no cais da Salmanha, onde os pescadores amarravam os barcos. Segundo Nelson Correia Borges, o nome resulta da sobreposição de várias palavras com o mesmo significado.





feed
mapa